17/07/2013

Comissão aprova fim do voto secreto em eleição do presidente do Senado

Projeto ainda deve ser aprovado pelo plenário e Câmara dos Deputados para passar a valer

Um projeto que determina o fim do voto secreto nas eleições das comissões da Casa e do presidente foi aprovado hoje, quarta (17), pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

senado-federal-ccj-voto-aberto

O projeto altera inúmeros artigos do Regimento Interno para eliminar possibilidades de voto secreto nesses dois casos. Com isso, a Comissão pretende tornar mais transparente a atuação dos senadores, de forma a constatar se há coerência entre o que eles defendem no âmbito público e a maneira como votam as pautas.

Contudo, o voto aberto ainda não está valendo. O projeto ainda terá de ser enviado a uma comissão especial que está cuidando da reforma do Regimento Interno do Senado. Após isso, junto com as outras propostas, ele será enviado ao plenário para apreciação e votação final. O texto ainda deverá seguir para a Câmara dos Deputados e só assim, se for aprovado, será promulgado.

Manifestações. O projeto faz parte de um conjunto de propostas legislativas que têm sido pautadas para atender às demandas das manifestações de rua, incluídas nos cinco pactos da presidente Dilma Rousseff. Desde o meio do mês de junho, protestos têm tomado conta das ruas do país.



Veja Também:



Comente: